Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

auto-terapia

um blog onde escrevo o que sinto e partilho as minhas ideias para quem quiser ler

auto-terapia

um blog onde escrevo o que sinto e partilho as minhas ideias para quem quiser ler

Sou oficialmente uma blogger!


CrisSS

Pois, é oficial: depois de muitas dúvidas (já nem sei quais) lá resolvi começar a escrever num blog!

 

1º Problema: como iniciar um blog? Solução: escrever no google "como criar um blog" e ver o que aparece (abençoado motor de busca, embora normalmente as sugestões são tantas que ficamos à toa).

 

2º Problema: que conta utilizar? Solução: uma já existente para não complicar mais a minha vida, pois embora estivesse tentada a usar o blogger, lá resisti a criar mais uma conta de email e optei pelo sapo que me permitia usar a conta do hotmail...

 

3º Problema: nome para o blog, que até foi rápido, pois é isso mesmo que eu vou fazer aqui e assim não fico triste se ninguém me ler, pois pelo menos faço auto-terapia...

 

4º Problema: onde escrever, pois estava a ver que não percebia como fazer um post e já a desistir, nem sei como, lá fui parar ao sítio certo...

 

5º Problema: escrever ou não escrever de acordo com o acordo ortográfico - eis a questão - e apesar de ser uma "velha do Restelo" lá vou abrir a excepção para alguns "cês" a título experimental, mas já os "pês" levantam-me muitas dificuldades.

 

Como se pode ver pelo enunciado de problemas, eu estou mesmo a precisar de fazer auto-terapia para perceber o ridículo do meu raciocínio tortuoso e talvez assim conseguir organizar a minha mente. No fundo, o que eu preciso é de desabafar o que me preocupa, o que me vai na alma e partilhar as minhas ideias com quem estiver interessado/a.

 

Bem, para início de conversa já chega, agora vou ver como é saio daqui sem perder o que escrevi...

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.